dezembro 08, 2014

Roger Scruton analisa os intelectuais que a esquerda idolatra



Acaba de sair, pela É Realizações, Pensadores da Nova Esquerda, de Roger Scruton. Na Apresentação que escrevi — “Subsídios à desconfiança” , afirmo que este livro pode desempenhar, no Brasil, a função de um manual de primeiros socorros, útil para o jovem cuja desconfiança cresce quanto mais os nomes aqui analisados são repetidos com irrefletida euforia por seus professores.

4 comentários:

Anônimo disse...

Que notícia excelente!!! E só demorou 30 anos!!! Deixando as brincadeiras de lado, se esse volume tivesse sido publicado no Brasil logo em 1985, quando foi lançada a primeira edição em inglês, muitos cérebros poderiam ter sido salvos...

Rodrigo Gurgel disse...

30 anos é uma média ótima para uma republiqueta governada por populistas de esquerda! (risos)

Josenilton Ferreira disse...

Graças aos poucos e brilhantes gênios intelectuais ainda vivos, como o nosso Professor Olavo de Carvalho, aos poucos está resurgindo um pouco da alta cultura no país dos bananas...

Víctor Gama disse...

Após 34 dias de espera, finalmente meu exemplar chegou. Só lamento não ter conhecido esse livro antes, quando na universidade li esses autores. Li com profundo desgosto coagido por uma ementa ideologicamente comprometida. Salvei-me à tempo! Bom que tenhamos essa nova tradução para o português...salvará outros tantos mais!