setembro 06, 2008

Manuel Bandeira


No Rascunho de agosto, o resultado de minha leitura do Crônicas inéditas I, de Manuel Bandeira: "Pouco se salva".

2 comentários:

George de Lucena disse...

Rodrigo,

O que está acontecendo com o blog? Sem tempo para escrever especificamente para ele?

Vai deixar morrer assim, despudoradamente? E quem vem te ler, faz o quê?

Abraços

Rodrigo Gurgel disse...

Salve, George! O blog não está nos estertores, mas falta tempo para escrever aqui minhas reflexões. Um dia retorno, principalmente por saber que tenho leitores. Obrigado pela visita e pelas palavras de amizade. Grande abraço!